31
Dez 09

 

 

HOJE

 

(treslendo Daniel Faria e Herberto Helder)

 

 

Hoje tu és o dia que começa outra vez

a plantar o que não acaba nunca

 

Mas tens uma noite inteira para dormires ao meu lado

 

Contigo encantarei a noite

 

 

(Lisboa, 30.12.2009)

 

 

PS - Eis um poema acabadinho de ser "limado". A má notícia? Tenho o esquentador a verter água...

 

publicado por flordocardo às 01:10

Belo o poema... o esquentador a verter água é que não. Gostei...muito.
ónix a 24 de Janeiro de 2010 às 18:03

Ónix: se tudo correr bem o esquentador vai ser arranjado precisamente hoje, pela hora de almoço.

Quanto ao poema... só posso dizer que antecipou a passagem de ano mais terrivelmente dolorosa da minha vida.

Obrigado e força!
flordocardo a 25 de Janeiro de 2010 às 11:45

E essa passagem de ano já lá vai... e começou o novo ano que com toda a certeza te trará coisas novas e muito boas. Sabes( estou a tratar-te por tu ) aqui há uns anos tive uma passagem de ano horrivelmente dolorosa e nem eu sei como consegui superar. Mas consegui e cá estou cheia de esperança e com imensa vontade para continuar. O mesmo se passará contigo.
Beijinhos
ónix a 25 de Janeiro de 2010 às 21:44

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9





mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO