06
Mar 10

 

 

DA VIOLÊNCIA

 

 

Do rio que tudo arrasta se diz que é violento.

Mas ninguém diz violentas

As margens que o comprimem.

 

 

                                                                    Bertolt Brecht (1898-1956)

 

(do livro «Beltold Brecht - Poemas» - Editorial Presença, Janeiro/1976)

 

publicado por flordocardo às 00:17
tags:

Desde sempre amei esta frase...pelo sentido profundo que transmite.
Beijinhos
ónix a 7 de Março de 2010 às 01:24

Mais uma vez obrigado por gostares, cara ónix. Sinto-me bem quando isso sucede,como é normal.
Bjões mtos!
flordocardo a 7 de Março de 2010 às 01:36

Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9


22



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO