28
Jul 12

 

              *   *   *

 

 

Andam por aí uma série de coisas a correr..., assim..., a modos que para o torto. E essas coisas surgem de vários lados ao mesmo tempo e, por vezes, de onde menos se esperaria.

Acontece.

Daí a música de há pouco; daí o facto de ainda estar acordado a esta hora; daí...

Não, não é da saúde (ainda que eu ache que anda por aí muita gente a precisar de algo como uma «terapia de grupo», salvo seja). A saúde vai indo razoavelmente bem, de acordo com as últimas análises, o último TAC, a última consulta médica, etc. É claro que é um suplício não saber se e quando volto a ser operado; mas quem aguentou o que eu já aguentei...

Porém, talvez mesmo motivado por estas coisas, chega por vezes aquele momento que nos força a um impulso. Pois é...

Vou reunir os meus poemas; vou reuni-los nem que chovam picaretas. Tomei esta decisão fez ontem oito dias e já estou a trabalhar na coisa.

Poemas reunidos. Serão o meu rasto portátil (quem sabe se publicável). Coisas.

Vou precisar das ajudas de uns amigos? Ah, pois vou!

Entretanto, continuem por aí, está bem?

 

publicado por flordocardo às 04:03
tags:

Julho 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11
12
14

18
21

24



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO