15
Out 10

 

 

Tomem lá nota:

 

DIA 16 - SÁBADO

Ciclo 'A CINEMATECA COM O DOCLISBOA: JORIS IVENS'

19 horas - Sala Dr. Félix Ribeiro

 

COMMENT YUKONG DÉPLAÇA LES MONTAGNES (I)
De Joris Ivens, Marceline Loridan
China/França, 1976 - 98 min.
legendado em português (electronicamente)

 

COMMENT YUKONG DÉPLAÇA LES MONTAGNES é um filme constituído por 12 partes autónomas que versam sobre a vida quotidiana na China após a Revolução Cultural e que vai buscar o seu título a uma antiga narrativa chinesa. Na impossibilidade de exibirmos este projecto monumental na sua totalidade, tal como aconteceu na retrospectiva que dedicámos a Ivens em 1983, apresentamos cinco das suas partes, organizadas em três sessões. Esta primeira será composta por “LA PHARMACIE Nº 3: SHANGHAÏ” (79 minutos) e por “HISTOIRE D'UN BALLON, LE LYCÉEN N°31 À PÉKIN” (19 minutos). Em “LA PHARMACIE Nº 3” Ivens e Loridan filmam uma farmácia-piloto que não se limita a distribuir medicamentos uma vez que todos se esforçam para melhorar o serviço para o bem da colectividade. “HISTOIRE D'UN BALLON, LE LYCÉEN N°31 À PÉKIN” centra-se no debate ideológico entre um professor e um aluno a partir dum incidente no recreio com uma bola.

 

21.30 horas - Sala Dr. Félix Ribeiro

 

COMMENT YUKONG DÉPLAÇA LES MONTAGNES (II)

De Joris Ivens, Marceline Loridan

China/França, 1976 - 110 min.

legendado em português (electronicamente)

 

Mais uma parte desta grande obra centrada nas transformações políticas na China, que reflecte claramente a dimensão militante do cinema de Ivens e Loridan. “UNE FEMME, UNE FAMILLE” foi filmado num bairro periférico de Pequim, onde uma jovem militante fala do amor, do casamento, da família e da condição feminina antes e depois da Revolução Cultural.

 

DIA 19 – TERÇA-FEIRA

19 horas - Sala Dr. Félix Ribeiro

 

COMMENT YUKONG DÉPLAÇA LES MONTAGNES (III)

De Joris Ivens, Marceline Loridan

China/França, 1976 - 119 min.

legendado em português (electronicamente)

 

Com esta sessão encerra-se o conjunto de projecções dedicadas a COMMENT YUKONG DÉPLAÇA LES MONTAGNES, iniciadas no dia 16. As partes aqui exibidas são “LE VILLAGE DE PÊCHEURS”, documentário sobre a vida numa aldeia de piscatória de Shantung em que as jovens raparigas se tornam pescadoras para melhor provar a igualdade entre homens e mu­lheres (104 minutos) e “LES ARTISANS”, pequeno filme centrado no artesanato tradicional chinês e na sua transmissão às gerações mais novas (15 minutos).

publicado por flordocardo às 23:23
tags:

Outubro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO