16
Dez 10

 

*   *   *

Será uma pequena homenagem de gratidão o que aqui deixo (acho que gostarias; e estou mesmo mais pobre depois da tua partida). 

 

 

 ______________

AS FLORES

 

Era preciso agradecer às flores

Terem guardado em si,

Límpida e pura,

Aquela promessa antiga

De uma manhã futura.

 

                     Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004)

 

(do livro «No Tempo Dividido» - Editorial Caminho, S.A., 4ª. Edição, Abril/2005)

 

publicado por flordocardo às 11:38

Lindo. Força e um grande abraço!
Melt a 16 de Dezembro de 2010 às 12:33

Ele certamente gostaria. Força!
TF a 16 de Dezembro de 2010 às 15:40

Belíssima homenagem, na minha opinião. Abraço!
incógnito a 16 de Dezembro de 2010 às 23:08

Dezembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO