30
Nov 11

 

*   *

 

Os ministros de finanças do euro deixaram ontem cair a meta de um bilião de euros para o reforço do fundo de socorro do euro que tinha sido prometida pelos líderes e renovaram apelos para reforçar o capital do FMI para que este possa ajudar a reforçar o FEEF.

O objectivo é agora de ter este fundo operacional em termos de compra de dívida soberana e créditos preventivos, o mais tardar, em Janeiro, avisou Jean Claude Juncker, presidente do Eurogrupo.

 

Pois é... Mais uma acha para a fogueira da liquidação do euro (e mais um desaire para o eixo franco-alemão, que demonstrara apostar num reforço do FEEF sem recurso ao FMI).

 

publicado por flordocardo às 01:39

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


Novembro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10

15
16
17
18




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds
mais sobre mim
pesquisar
 
blogs SAPO